menu
Colégio S. Gonçalo Apoiodo pelo Ministério da Educação
Colégio em 1931 Colégio em 1971 Colégio em 2012
1931 1971 2012
Menu Horizontal pesquisar
Oficinas e Laboratórios
Laboratório de Mecânica

Este espaço remonta à existência do próprio curso e surge como mediador entre um programa teórico e a concretização de saberes.
O Laboratório de Mecânica  ergueu-se com a dupla ambição de poder responder aos objectivos delineados para a área da Mecânica estando, por um lado, associado à aquisição de conhecimentos que possibilite a continuidade no prosseguimento de estudos e pretendendo, por outro, preparar os alunos que vão ingressar na vida activa.
O equipamento, que existe nas oficinas de Mecânica, não foi escolhido de forma aleatória, está organizado segundo o perfil do técnico que mais facilmente pode ser integrado no contexto da indústria da região, na qual a escola se inscreve.
Este laboratório foi delineado para desenvolver práticas pedagógicas e  proporcionar mais prazer e estímulo, já que permite o desenvolvimento activo das habilidades cognitivas e específicas de cada aluno, mesmo que a pedagogia aplicada nas práticas oficinais seja diferente das aulas teóricas.
Neste espaço físico, procura-se valorizar princípios básicos tais como: reflexão crítica, a curiosidade científica, a investigação e a criatividade, associados a conteúdos que se estão a desenvolver. Apesar de ter práticas pedagógicas diferentes das aulas normais, este espaço não deve ser entendido como parte distinta e isolada dessas aulas, mas como um prolongamento com dinâmicas diferentes, onde se pode desenvolver a criatividade de forma mais livre e prática.
A aprendizagem tem como base fundamental a cooperação, professor/aluno e aluno/aluno, valorizando a participação em grupo, incutindo um forte espírito colectivo em que o todo só é possível pela participação de cada um.
Outro factor importante nas aulas práticas é a forma de avaliação, que não pode ser resumida a meras provas periódicas mas, pelo acompanhamento no desenvolvimento dos trabalhos práticos, nas discussões em grupos, nas exposições de ideias individuais e conteúdos desenvolvidos. Privilegia-se o ensino-aprendizagem de forma progressiva dado pela estimulação da sua criatividade, libertando o aluno no desenvolvimento dos seus trabalhos.
O contacto com os outros docentes é fundamental para enquadrar o quadro social e afectivo e enfatizar, em cada actividade, a interdisciplinaridade.




Laboratórios de Física-Química

No ano de 1970/71, foi criado o 6º ano da área de letras.
No ano lectivo de 1971/1972, foi criada a área de ciências.
No ano lectivo de 1971/72, foi criado o 3º Ciclo dos Liceus – 6º e 7º anos – Letras e Ciências. A concessão da licença para a criação dos cursos complementares (6º e 7º anos) exigia a existência de laboratórios de harmonia com as áreas a leccionar.
Neste mesmo ano, foram criados os laboratórios de Física, de Química e de Ciências Naturais.
Em 1982/1983, os laboratórios foram ampliados devido à criação dos cursos Científico-Naturais, Área A – Quimecotecnia e Saúde.
No ano lectivo de 1986/1987, houve uma mudança de instalações dos laboratórios, tendo sido apetrechados com novos instrumentos de acordo com a exigência dos novos Cursos Tecnológicos e dos respectivos programas.
Recentemente, 2005/2006, houve a necessidade de reorganizar os espaços e criar novas condições de Higiene e Segurança nos laboratórios. Como tal, os laboratórios de química e de Biologia foram totalmente renovados, no que diz respeito a bancadas, canalizações de água, luz e gás, colocação de Hottes, bomba de vácuo, lava olhos, chuveiros, etc…
Foi igualmente criado uma sala para as Ciências Naturais de 2º e 3º Ciclos.

©  Grupo de informática/informática de gestão @ Colégio de S. Gonçalo - AMARANTE - 2010/2012
users online:       IP: 54.227.127.109: